Do Sinal Fabril à Música Clássica – Colégio Parthenon

Do Sinal Fabril à Música Clássica

A música faz Parthe do Parthenon
12 de fevereiro de 2019
A Ciência vai à Escola: MOSTREXPLIQUE e a Alfabetização Científica
28 de fevereiro de 2019

Ludwig van Beethoven, Wolfgang Amadeus Mozart, Sebastian Bach, Johannes Brahms, Antonio Vivaldi, Frédéric Chopin. Você com certeza já escutou esses nomes antes, eles são alguns dos principais compositores de música clássica de todos os tempos. E, há alguns anos, trechos de suas obras podem ser escutados a cada intervalo de aula nas Unidades I e II.

Substituímos o antigo sinal que marcava o início e encerramento das aulas por trechos de músicas eruditas porque, além de ser muito mais agradável aos ouvidos, achamos que vale a pena compartilhar boa música com nossos alunos e funcionários.

A cada mês, um artista diferente é homenageado. A curadoria fica a cargo da professora Madalena, idealizadora da ação. Além dos já citados, músicos mais contemporâneos e brasileiros, como Baden Powell, Sérgio Mendes e Chiquinha Gonzaga, também terão suas músicas tocadas.

“As crianças assistem desenhos em que a música clássica está presente, eles já ouvem essas músicas, mas às vezes não tem noção disso. É uma forma de dar oportunidade para que conheçam melhor algo que já faz parte do seu mundo.”

– Professora Madalena Pannochia Tahan, mantenedora do Colégio Parthenon

“O sinal tradicional tem a ver com a produção fabril e provocava um incomodo em relação ao nosso papel enquanto educadores. De propagar essa disciplina da fábrica no ambiente escolar.”

– Eduardo Oliveira, coordenador do Ensino Médio