Compostagem

309

Integrantes:
Matheus Sacramento
Pedro Henrique
Lucas Afonso
Julia Freitas
Eduarda Morim
Leticia Ferreira

Curiosidades sobre compostagem 
Se você quiser ajudar o meio ambiente com compostagem,mas não tem espaço em sua casa, nosso grupo do projeto “ fome de quê?”, chamado compostagem.Pesquisou e descobriu o grupo social, Ciclo Orgânico que tem como missão fazer os lixos não serem um problema e sim uma solução. 

O projeto propõe que as pessoas coloquem seus lixos orgânicos em baldes, e uma pessoa da equipe, Ciclo Orgânico, vai até a sua residência de bicicleta buscar o lixo vai para composteira mais próxima, em vez do aterro. no fim dos mês você recebe 2kg do composto orgânico, um pacotinho de sementes, e ainda doa adubo para uma horta comunitária. Ou seja você pode usar esse composto orgânico em sua horta, e você estará fazendo de alguma forma compostagem.

Esse grupo mostra o impacto positivo que esse projeto oferece.

2.645 TONELADAS DE IMPACTO POSITIVO
882 Toneladas de Resíduos Coletados
662 Toneladas de Emissões Evitadas com a Compostagem
547 Toneladas de Composto Produzido
331 Toneladas de Resíduo de Vegetação Coletados
223 Toneladas de Emissões Evitadas ao Coletar de Triciclo

Link:
https://cicloorganico.com.br/

Reportagem 
O Prefeito Bruno covas criou o 2° pátio de compostagem da cidade de São Paulo, a primeira foi inaugurada na Lapa em setembro de 2015, o prefeito disse que até o final de 2020, mais 15 pátios serão criados, os 17 pátios que o prefeito prometeu que serão criados deixarão de levar 500 mil toneladas de resíduos para aterros todos os anos.

O recolhimento da poda é feito pelas prefeituras regionais e entregue nos dois pátios. Os serviços em ambos os locais são operados pela empresa Inova, que também é responsável pela coleta de indivisíveis das regiões.

Na mistura, os resíduos de poda triturada garantem a circulação do ar e o êxito do processo em 120 dias. O adubo de qualidade, 100% natural, sem mistura de carnes e produtos químicos.

Link:
https://www.google.com.br/amp/s/g1.globo.com/google/amp/sp/sao-paulo/noticia/2018/09/28/prefeitura-de-sp-inaugura-2o-patio-de-compostagem-e-promete-outros-15-ate-o-final-de-2020.ghtml

Algumas outras curiosidades

As minhocas na compostagem
Muita gente não gosta de minhocas por ter medo ou nojo, mas na verdade as minhocas são verdadeiras amigas na hora de fazer seu lixo orgânico se transformar em adubo e com elas, esse processo acelera, podendo ser feito de 2 a 3 meses, dependendo do clima da região, onde você fará a compostagem.

A compostagem sem minhocas;
O que muitas pessoas não sabem é que dá para fazer compostagem sem minhocas. Isso mesmo! O que ocorre é que sem minhocas apenas vai demorar um pouco mais, podendo ocorrer em 4 meses, mas também é conforme a temperatura da região. Essa compostagem é chamada de compostagem microbiana.

O líquido da compostagem
O líquido liberado pelo alimento orgânico, o chorume ou biofertilizante, é cheio de nutrientes e também pode ser usado para enriquecer o solo das plantas. Enquanto a compostagem demora para se transformar em adubo, o chorume que escoa pode ser usado a cada 15 dias nas plantas. basta misturar uma parte do líquido com 10 partes de água para não matar as plantas por excesso de nutrientes

Site:
https://br.blastingnews.com/curiosidades/2019/03/6-curiosidades-sobre-compostagem-domestica-002863771.lst6.html

https://www.google.com/amp/s/www.sitedecuriosidades.com/curiosidade-amp/compostagem-domestica.html

Como fazer uma composteira

1 – Faça um buraco na terra de pelo menos 0,5 metro quadrado de largura e cerca de 30 cm de profundidade. Para sustentar as paredes de terra, coloque um caixote ou uma caixa d’água sem o fundamento nas laterais, ou seja, que permita o acesso ao chão. Também é recomendado cercar a área em contato com a terra com uma cerca de arame, tábua ou troncos.

2 – Deposite o material orgânico no espaço delimitado diretamente, sem espalhar muito: concentre-o em um canto até encher o espaço.

3 – Cubra a superfície com folhas secas ou serragem. Não comprima a mistura, pois causará falta de oxigenação, podendo gerar, neste tipo de compostagem, mal cheiro.

4 – Revire todo o material a cada 15 dias para ajudar o arar a terra e facilitar a decomposição.

5 – Em até 3 meses as sobras de alimentos vão se transformar em um adubo fértil que pode ser usado em plantas e hortaliças.

O que podemos colocar na composteira:
– Restos de alimentos como restos, talos e cascas secas de verduras e frutas (menos as cristalizadas)
– Casca de ovo, borra de café
– Resíduos frescos: podas de grama e folhas
– Serragem e folhas secas
– Esterco: de boi, porco e de galinha

O que não podemos colocar:
– Frutas cítricas
– Qualquer coisa derivada do leite
– Costuras de carnes: frango, peixe é boi
– Nozes pretas, carvão vegetal, plantas doentes, alho e cebola
– Derivados do trigo
– Papel: revista, jornais, papéis de impressão, envelopes e catálogos
– Arroz, depois de cozido um ótimo local de bactérias
– Fezes  de cão e gato
– Serragem de madeira tratada

Vantagens da compostagem:
– Aumenta a vida útil de aterros sanitários.
– Diminui o mau cheiro nas ruas.
– Previne a proliferação de animais causadores de doenças.
– Produz adubo orgânico, rico em nutrientes feito em casa.

Desvantagens da compostagem:
É necessário fazer corretamente, caso contrário pode causar mal cheiro e atrair insetos e ratos.
– Para ser realizada corretamente é necessária muita atenção à temperatura, umidade e arejamento, o que pode ser muito trabalhoso.